Oito histórias atípicas do dia-a-dia de carteiros em São Luís

Neste dia 25 de janeiro, comemora-se o Dia do Carteiro. A cada rua, uma história. Confira algumas delas!

João Pedro Brito se preparando para entregar as cartas / Foto: Giovana Kury
Não deve ser fácil ser responsável pela transmissão de mensagens físicas diariamente em toda a cidade. É o que confirmam os carteiros, cujo dia-a-dia, embora pareça corriqueiro e repetitivo, abarca todos os tipos de emoção – desde o medo até o carinho pelos moradoras das ruas frequentadas durante o experiente.

Com áreas de entrega divididas em distritos, os profissionais entram em contato direto com empecilhos e charmes do cotidiano. Atualmente, os Correios entregam cerca de 6 bilhões de objetos postais em todos os cantos do país. Cada rua, cada carta, rende uma história; e algumas dessas histórias são contadas a O Imparcial nesta sexta-feira (25), Dia do Carteiro, por esses próprios mensageiros de São Luís. Confira!

Cachorro versus carteiro
Elías Machado, carteiro há 33 anos

“Tinha um cachorro que, quando eu entrava na rua, ele não me atacava, só acompanhava meu trajeto e latia. Quando eu dobrava a esquina, ele voltava. Certa vez, eu cheguei na rua e senti falta dele. Quando perguntei pra vizinha, ele tinha morrido. Ele não me mordia. Mas esse era uma exceção. Já fui mordido cinco vezes. Uma vez, eu fui pegar a carta para a senhora e ela abriu o portão. O cachorro veio entre a fresta e me mordeu. Tive que tomar dezesseis vacinas. Cachorro com carteiro não tem compatibilidade. O pessoal diz ‘ele não morde não’, e eu digo ‘ele não morde com o rabo’. Qual é o animal que tem boca e dente que não morde? Cachorro não é ser humano, ele morde por instinto. Menos aquele primeiro. Ele era meu guarda-costas.”

Problema de raiva
Abílio César Moraes, carteiro há 5 anos

“Às vezes, as pessoas esquecem que temos muitas coisas para entregar, e acabamos entrando no mesmo endereço várias vezes, mas não necessariamente na mesma casa. Uma vez, eu estava efetuando uma entrega e passei na mesma rua duas vezes. Da segunda, um senhor em um táxi parou e me chamou. Eu não fui, só disse: ‘pode falar, meu patrão’. Ele desceu, chegou com uma mão na cintura e disse: ‘olha, tu diz lá para o teu responsável que eu vou dar um tiro no carteiro. Já estou cheio de receber correspondência no meu endereço’. Eu falei: ‘você mesmo pode dar esse recado para ele’, e fui saindo. Ele sacou a arma e disse que, se eu levasse alguma carta pra ele, ele iria atirar. Eu consegui sair e passei muito tempo sem entregar naquela área. Depois de uns dias, descobri que ele nem era morador de lá. Só estava com raiva de raiva e resolveu descontar em mim.”

O neto adotivo
Waílson Oliveira, carteiro há 5 anos

“Quando eu era carteiro em Barreirinhas, eu fui entregar em uma casa de campo pela primeira vez. Toquei a campainha e, quando a mulher abriu, ela começou a chorar. Ela falou: ‘Gelysson?’. Disse que eu era muito parecido com neto dela, que tinha falecido de acidente de moto. A partir desse dia, eu fiquei amigo dela. Todo dia ela me dava lanche, presente… Tanto é que eu chamava ela de ‘avó’, já. Ela tinha loja de roupa, então ela me dava camisetas… Lá em Barreirinhas, eu tinha contato com todo o tipo de gente. Era amigo de todo mundo. Eu sempre gostei muito de academia, então malhava de graça, era bom demais. Aqui [em São Luís], é mais complicado. Uma vez, fazendo uma entrega para uma pessoa, chegaram dois caras em uma mototáxi para executar ele. Acho que era acerto de dívida de drogas. Eles brigaram, teve tiro. Minha moto estava ligada e eu fugi. Mas Barreirinhas era bom demais. Se eu tivesse ficado lá, teria virado vereador”.

‘Você sabe com quem está falando?’
Bruno Cesino, carteiro há 8 anos

“Fui entregar uma carta na casa do cidadão. Bati no portão e aguardei. Ele estava perto e eu disse ‘senhor, tem uma correspondência que você precisa assinar para receber’. Ele já me olhou lá de dentro e disse que eu era saliente, que eu não podia forçar ele a fazer nada. Eu pensei que tinha entendido mal. ‘Senhor, não estou entendendo’, eu disse. Ele já veio de lá gritando: ‘rapaz, tu é saliente! Sabe o que acontece se eu te der um tiro?’ e eu respondi: ‘olha, das duas, uma: ou eu vou me machucar, ou eu vou morrer. Mas o senhor, com certeza, vai pagar’. Ele veio de lá me chamando de arrogante e eu só disse: ‘o senhor vai receber ou não vai? Se o senhor não quiser, eu vou embora’, e fui para a minha moto. Ele veio atrás de mim e disse: ‘você sabe com quem está falando?! eu sou um policial federal!’ e respondi: ‘e eu… Não tenho nada a ver com isso’. Aí é que o filho dele veio e apaziguou o momento, assinando o documento. Era só ter feito isso. Tão simples!”

Vontade do Senhor
Wellington Viana, carteiro há 11 anos

“Durante uma entrega, um adolescente sacou uma peixeira e quis roubar meu celular. Eu disse: ‘me arranja pelo menos o chip?’. Ele abriu o celular, tirou o chip, me entregou e ficou com o celular. Quando acontece isso, o normal é largar a entrega e ir embora. Como eu já estava no final, eu só continuei. Fiquei até feliz. Pensei ‘acho que o Senhor tá querendo que eu troque de celular, esse já tava velho’. Eu só continuei entregando sem nervosismo, sem nada. Já quase no final, chega um cidadão em uma bicicleta: ‘ei, rapaz, tu não tem carta aí para mim?’ e me disse a rua em que morava. Eu olhei para ele e disse: ‘tenho não. Mas ainda agora um rapaz roubou meu celular nesse lugar’. Tirando o meu celular roubado do bolso, o rapaz disse: ‘é esse aqui?’, e eu respondi ‘ele mesmo’. Voltei para a casa com tudo meu. Mas uns dias depois me assaltaram de novo. Aí levaram de vez.”

Eleitor fiel
Patrícia Souza, carteira há 6 anos

“Eu entrego no mesmo distrito todos os dias e tem umas pessoas que ficam aguardando a gente com um carinho muito grande. Às vezes para dar um biscoito, um café… Principalmente as mais idosas. Tem as exceções, das que não respeitam, mas a maioria respeita. Na eleição passada, fui candidata a deputada federal. O seu Alberto, do Vinhais, ficou desesperado. ‘Vamos envelopar o carro todo!’, ele disse. Pediu santinho, fez campanha no bairro todo. Tirou mais de mil votos para mim. ‘Ela entrega na minha casa! É minha carteira!’, ele dizia. Chegou até a pedir a relação dos votos nos interiores, e confirmou, na lista, os que tinham ido para mim. Ele deve ter de 60 para 70 anos. Todos os dias, ele me dá um chocolate e um refrigerante. É por isso que eu tô gorda!”

Cachorro versus carteiro – parte II
Francisco Brito, carteiro há 12 anos

“Eu estava passando em uma rua do Parque Shalom, uma vez, e, quando o dono de uma casa ia entrando, um pitbull saiu da casa. Ele me viu e correu atrás de mim. Minha salvação foi o carro do vizinho: eu me joguei em cima dele. O teto ficou amassado. Minhas pernas estavam trêmulas. O dono do carro disse para eu ficar tranquilo. Não era a primeira vez que aquilo acontecia. No mesmo bairro, em outra rua, sempre que eu passava, havia dois cachorros. A maior sempre corria atrás de mim e, toda vez que ele ia, o menorzinho sempre corria para me defender. Ele não deixava ela latir ‘comigo’. Ia para brigar com ela. Era incrível”

Um sonho realizado
João Pedro Brito, carteiro há 7 anos

“Comecei a entregar na Castelo Branco. Passei uns três, quatro anos entregando lá. Fui fazendo amizades e conheci o dono de um cursinho, que é o Damázio. Entregava certificados de cursos, de tudo. Em uma dessas conversas com ele, ele soube que eu fazia direito aqui no Ceuma e tava próximo de me formar. Ele conseguiu duas bolsa de estudos pra mim: da primeira fase e da segunda fase. Até me emocionei. Agora, recentemente, graças a essa ajuda dele, passei na OAB. Já fui agradecer ele. É a história mais bonita que eu tenho. Por enquanto, não vou largar meu emprego aqui porque não tenho nada fixo. Mas ele já me ofereceu também uma bolsa para concurso lá. É o que eu vou fazer depois daqui.” 

Com informações do site O Imparcial.

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,15,Abono Pecuniário,3,Abrapp,1,AC Central,1,AC Parelheiros,1,AC São José,1,Ação INSS,1,Acidente,3,Ações Trabalhistas,1,Acordo Coletivo,2,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,51,Afastamentos,2,Agência,26,Agências Marketing,1,Agências Modulares,4,AGU,2,Água,1,ALESP,1,ALMG,3,Aluguel,1,Alunos,1,ANAC,1,ANATECT,4,ANATEL,5,Animais,4,Anistia,2,ANS,4,ANVISA,1,Aplicativo,1,Aposentados,11,APP,1,Apreensão,4,Ar Condicionado,4,ARACT-SP,3,Área de Risco,1,Arrombamento,2,Assaltos,37,Assédio,2,Assédio Moral,1,Assessores Especiais,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,3,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atendimento Digital,1,Atestado,1,Atleta,1,Atraso,1,Atrasos,6,Atualização Cadastral,1,Audiência,1,Audiência Pública,9,Auditoria,1,Auxiliar de Enfermagem,3,Auxílio Doença,1,Auxílio-creche,1,Azul,14,Banco Postal,26,Banco24Horas,3,Baterias,2,BB,1,BDO Brasil,1,Benefícios,11,Black Friday,5,BNY Mellon,11,Boca no Trombone,7,Boletim das Estatais,1,Boleto,1,Cachorro,1,CADE,16,Cães,1,Cajamar,1,Calote,2,Caminhão,1,Caminhões,1,Canal Descomplica,1,Cancelamento,1,Capitalizar,1,Carlos Fortner,5,Cartas,2,Carteira de Trabalho,5,Carteiro,23,Carteiro Motorizado,1,Carteiro Poeta,1,Carteiros,2,Casamento,1,CAT,2,CBDA,3,CBHb,2,CBS,1,CDD Botafogo,1,CDD Capão Redondo,1,CDD Capela do Socorro,3,CDD Copacabana,1,CDD Del Castilho,1,CDD Embu,3,CDD Itapecerica,4,CDD Madureira,1,CDD Parelheiros,1,CDD Parque Cocaia,4,CDD Polo,1,CDD São Mateus,1,CDD Vila das Belezas,1,CEE Laranjeiras,1,CEE Santo Amaro,1,CEGEP,2,CGPAR,6,CGR,1,CGU,2,Chip Amarelinho,4,Clipping,1610,Compra Fora,4,Comunicado,12,Concurso,12,Condições de Trabalho,7,Conselho de Administração,2,Conselho Deliberativo,1,Contas Públicas,1,Contra a Privatização,35,Contrabando,1,Contrato de Trabalho,1,Contribuição Extraordinária,2,Copa do Mundo 2018,1,Correios,331,Correios Aqui,3,Correios Celular,13,Correios Saúde,1,Correios Saúde II,12,Correspondências,1,Corte de Energia,1,COVISA,1,CPF,1,Cronograma de Empréstimos,5,CSP Conlutas,1,CTB,1,CTC Santo Amaro,1,CTCE,1,Custos,1,CUT,1,CVM,6,Dano Moral,1,Data Comemorativa,8,DDA,14,Déficit,1,Demissão Acordada,1,Demissão Justa Causa,1,Demissão Motivada,15,Deputado,1,Despacho Postal,21,Destaque,953,Desvio,2,Dia do Carteiro,7,Diário Oficial,1,DIEESE,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,Diretorias,3,DNI,2,Documentos Perdidos,1,e-commerce,3,Eleições,1,Empréstimos,1,ENEM,1,ENEM 2018,3,Enfermeiro do Trabalho,1,Entrega Matutina,6,Esclarecimento,1,ESMEC,1,Estadão Conteúdo,1,Estado de Greve,3,Estatais,34,Estatais Estratégicas,1,Estatuto Social,1,Estrutura Organizacional,1,Exames Periódicos,1,Exclusiva,80,Extinção,1,Extravio,2,FAACO,3,Fabio Faria,1,Falecimento,1,Fechamento,19,FEDERAÇÕES,461,FEDEX,1,FENTECT,311,Férias,3,FINDECT,204,Fiscalização,1,Folha de Benefícios,1,Folha de Pagamento,1,Frota,1,Funções,1,Fundos de Pensão,60,Furto,1,G1,1,GERAE,13,Geral,510,Gilberto Kassab,5,GOL,1,Golden Share,1,Gratificação de Função,2,Greenfield,17,Greve,27,Histórias,1,Horas Extra,2,Incêndio,4,Incorporação de Função,1,Indicação,1,Indicação Política,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,252,Insegurança,3,INSS,2,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Intervenção,2,Jair Bolsonaro,1,Joint Venture,10,Jornada Trabalho Reduzida,3,Jovem Aprendiz,3,Justa Causa,1,Kassab,6,Lançamento,1,LATAM,5,Lei das Estatais,3,Licença-Paternidade,1,Licenças,2,Licitação,3,Limpeza,1,Livre Escolha,1,Lockers,1,Logística,2,Lucro,2,Luta Unificada,34,Malware,1,Manpoc,1,Manuais,2,Marcos César,15,Marcos Pontes,5,Médico do Trabalho,4,Mensagem Final de Ano,1,Mensalidade,2,Mercado Livre,1,Mesa de Negociação,1,Metas,1,Ministério da Fazenda,1,Ministério do Planejamento,10,Ministério do Trabalho,1,Ministro,1,Morto,1,Motociclistas,6,Mourão,3,MPF,21,MPT,3,MTE,2,multiatendimento financeiro,1,OAI,1,Obesidade,1,OJ247,17,Operação Pausare,1,Operação Rizoma,5,Operador de Empilhadeira,1,Opinião Ecetista,1,OTT,6,Outubro Rosa,1,Pagamento,1,Pagamento Abono,1,Palocci,3,Panorama das Estatais,1,Papai Noel dos Correios 2018,13,Paralisação,7,Parceria,3,Parecer,1,Paternidade,1,Patrocínios,13,Paulo Guedes,8,Paulo Paim,1,PBM,1,PCCS1995,2,PCCS2008,1,PDI,1,PDV,5,Pensionistas,1,Plano BD,3,Plano de Saúde,5,Plano Família,1,Plantão Negociação 2018/2019,19,Plenária,2,PLP 268/2016,1,Policia Federal,3,Polícia Federal,1,Políticas de Investimento,1,Portabilidade,1,Portaria,4,Postal Saúde,135,Postalis,405,Postalis Digital,3,PostalPrev,7,Praect,2,Premiação,1,Presidente,15,Prestador,1,Prestador Suspenso,1,Previc,10,Primeira Hora,176,Privatização,26,Processo,22,Professora,1,Projeto de Lei,2,Promoções Horizontais,2,Protesto,1,Quadro de Funcionários,3,Qualidade,1,Quarentena,1,Racionalização,1,Reajuste,1,Reajuste de Tarifas,2,Recadastramento,8,Receita Federal,10,Reclamações,4,Reclame Aqui,1,Redação,2,Reestruturação,1,Refém,4,Refis Postal,2,Reforma Trabalhista,7,Reintegração,1,Renan Calheiros,1,Renegociação,2,Renovação Frota,1,Rentabilidade,2,REP,3,Restruturação,6,Resultados Operacionais,1,Reunião Presidente,1,Rombo,1,Roubo,5,RTSA,1,Salários,1,Saúde Bucal,2,Saúde da Mulher,6,Saúde em Dia,1,Segurança do Trabalho,1,Seguro de Vida,2,Selos,9,Sequestro,1,Série,7,Série Correios Saúde II,11,Serviços Postais,2,SEST,5,Sincort-PA,9,Sincotelba,27,Sindecteb,31,Sindicato,821,Sintcom-PR,55,Sintect-AC,17,Sintect-AL,98,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,13,Sintect-DF,53,Sintect-ES,47,Sintect-GO,35,Sintect-JFA,3,Sintect-MA,42,Sintect-MG,20,Sintect-MS,36,Sintect-MT,24,Sintect-PB,30,Sintect-PE,29,Sintect-PI,46,Sintect-RJ,149,Sintect-RN,16,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,16,Sintect-RR,1,Sintect-RS,56,Sintect-SC,29,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,165,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,smartphones,1,Social,1,SQUASH,1,STF,22,STJ,2,Taxa Emergencial,2,Taxa Extra,4,Taxa Homologação Importados,5,TCU,5,Tecban,1,Tecnologia,1,Teletrabalho,1,Terceirização,9,Termo Aditivo,1,Tesouro Nacional,1,TJCE,1,Top of Mind,2,Transferência,2,TRF,4,TRT,39,TSE,3,TST,32,UD Juquitiba,4,União,2,Universitários,1,UPU,3,USPOST,1,Vale Alimentação,1,Vale Extra,2,Vale Refeição,1,Vale Transporte,4,Venda Imóveis,5,Vice-presidente,9,Vídeo,1040,Vírus,1,Visa,4,Whatsapp,2,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Oito histórias atípicas do dia-a-dia de carteiros em São Luís
Oito histórias atípicas do dia-a-dia de carteiros em São Luís
Neste dia 25 de janeiro, comemora-se o Dia do Carteiro. A cada rua, uma história. Confira algumas delas!
https://4.bp.blogspot.com/-iNZmpONV3po/XEuMtAKjTrI/AAAAAAAASfY/KgORMG51tsgHTrRppibIrwh03vN11zYawCLcBGAs/s320/Carteiro%2BJo%25C3%25A3o%2BPedro.jpg
https://4.bp.blogspot.com/-iNZmpONV3po/XEuMtAKjTrI/AAAAAAAASfY/KgORMG51tsgHTrRppibIrwh03vN11zYawCLcBGAs/s72-c/Carteiro%2BJo%25C3%25A3o%2BPedro.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2019/01/oito-historias-atipicas-do-dia-dia-de.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2019/01/oito-historias-atipicas-do-dia-dia-de.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar