Mesmo com lucro de R$ 667 milhões em 2017, Correios seguem com demissões e fechamento de agências

O fato de a empresa não estar em declínio, no entanto, não garante que o governo altere os planos de desmantelamento dos Correios, denuncia José Rivaldo da Silva, secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares (Fentect).

O anúncio do lucro de R$ 667 milhões dos Correios, em 2017, expôs mais uma fraude do ilegítimo de Michel Temer (MDB-SP), que está sucateando a empresa, fechando agências e demitindo trabalhadores e trabalhadoras para ‘mostrar’ que ela é inviável e, portanto, precisa ser privatizada. Na ofensiva para tornar a empresa mais atrativa para a iniciativa privada, os Correios já demitiram mais de 20 mil trabalhadores, ameaçam cortar mais 30 mil e anunciaram o fechamento de mais de 500 agências.

A divulgação do resultado positivo expôs a estratégia ardilosa do governo que foi obrigado a afastar, pelo menos temporariamente, a possibilidade de venda da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos.

O balanço positivo e o apoio dessa Casa nos permitiram tirar da pauta a questão da privatização. Não se fala mais nisso”, afirmou o ministro da Ciência, Tecnologia e Comunicações, Gilberto Kassab, ao ser questionado, em audiência pública realizada na semana passada na Câmara dos Deputados, sobre a estratégia usada para forçar a venda dos Correios.

O fato de a empresa não estar em declínio, no entanto, não garante que o governo altere os planos de desmantelamento dos Correios, denuncia José Rivaldo da Silva, secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares (Fentect).

Segundo ele, o verdadeiro déficit dos Correios é com a mão de obra: faltam 40 mil trabalhadores para atender todo o Brasil – em 2011, existiam 128 mil funcionários e agora são 106 mil. E, para atender com agilidade e qualidade, a demanda é de 145 mil trabalhadores operando em todas as regiões do Brasil.

Hoje a população anda meio revoltada com os atrasos e extravios nas entregas, mas isso é fruto de um processo pensado pela atual direção dos Correios que é precarizar para justificar a privatização. Antes tínhamos uma empresa de excelência nos padrões e qualidade reconhecida pela sociedade. Hoje, boa parte da população reclama porque vai buscar encomenda e o Correio atrasa, ou ela [a encomenda] não está lá”, diz Rivaldo.

A discussão que eles fazem é despesa versus receita. Aí, verifica-se que existia um déficit porque existia um provisionamento”, afirma.

Segundo o dirigente, mesmo com o anúncio de lucro acima de R$ 600 milhões e o desprovisionamento [liberação de dinheiro ou valores reservados para alguma despesa futura] de R$ 3 bilhões de reais, a direção da empresa segue sucateando os serviços, fechando agências e demitindo trabalhadores. Os trabalhadores sabem que nunca existiu déficit e, sim, uma discussão incompatível com os números reais registrados pelos Correios, explica o dirigente.

A explicação para o desprovisionamento é a retirada de direitos dos trabalhadores e trabalhadores. Os empregados dos Correios e seus dependentes terão de pagar para ter direito ao convênio de saúde. Foi isso que reduziu as despesas dos Correios, que acabou economizando R$ 3 bilhões com o que havia reservado para pagar planos de saúde aos trabalhadores e seus dependentes.

Isso também ajudou a aumentar o tamanho do lucro”, afirma Rivaldo, que conclui: “Se anunciou o lucro, não tem necessidade nem de demissão, nem de fechamento de agências”.

Desprovisionamento foi manobra contábil
Para o economista e supervisor técnico do escritório regional do Diesse no Distrito Federal, Max Leno de Almeida, a empresa tenta passar uma imagem de superação da crise dos Correios nos últimos dois anos penalizando os trabalhadores.

Segundo ele, o desprovisionamento [recursos que estavam e não estão mais reservados para alguma despesa] de 3 bilhões não foi nada mais do que uma manobra contábil para justificar as demissões, os fechamentos de agências, mudanças nas relações trabalhistas que afetam diretamente os salários e os benefícios da categoria.

O fato é que o governo precisa abrir a caixa preta dos números da empresa e esclarecer melhor os números que até o Tribunal de Contas da União está questionando.

Se existe um montante de desprovisionamento de R$ 3 bilhões, e um déficit previsto na ordem de R$ 2 bilhões, e agora apresentaram um lucro acima de R$ 600 milhões, é porque tem alguma coisa que precisa ser explicada”, diz Max Leno.

O próprio Tribunal de Contas da União, TCU, se manifestou no sentido de evidenciar que esses números sejam melhor esclarecidos. Em 2015 e 2016 fecharam com déficit de bilhões e agora em 2017 aparece com esses números positivos”.

O secretário geral da Fentect acredita que essa discussão toda em torno dos números é mero pano de fundo para o governo continuar reduzindo o tamanho dos Correios, uma decisão política tomada desde que os golpistas assumiram o poder.

O que eles querem é fazer uma parceria público-privada para prestação dos serviços de entrega”, diz o dirigente.

Ele explica que “o fechamento das agências públicas beneficia as agências franqueadas e já existe um processo de negociação com a [companhia aérea] Azul para fazer a parte de mercado logístico de transporte aéreo e outras parcerias para reduzir o custo de mão de obra e aumentar o lucro. Se os Correios forem privatizados, aumenta o custo para todos os consumidores, sem exceção, pois o que os empresários querem é lucrar com a prestação de um serviço de menor qualidade”.

Segundo Rivaldo, as pequenas, médias e até grandes empresas não entregam no país todo, por conta dos altos custos. “Nos rincões do Brasil, quem faz a entrega é somente a empresa pública. As empresas privadas querem atuar no mercado mais promissor, que são as grandes capitais e regiões metropolitanas”.

Como ficarão as cidades que nem banco tem, só funciona o banco postal através dos Correios”, questiona o dirigente, complementando: “Sem agências dos Correios, a economia local será prejudicada. É uma situação que mexe com a sociedade e muda a vida das pessoas”.

O dirigente informa que até o final deste mês deverão acontecer três audiências públicas no Congresso Nacional para debater os problemas dos Correios, tanto dos fechamentos quanto das demissões porque, destaca, os problemas dos consumidores e dos trabalhadores não acabaram com o anúncio do lucro.

E, no próximo dia 31 categoria realiza congresso nacional para decidir se paralisa em protesto pelas demissões em massa e fechamento de várias agências que estão para acontecer após o período eleitoral. Por Luciana Waclawovsky e Marize Muniz, especial para Portal CUT Nacional.

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,10,Abono Pecuniário,3,Abrapp,1,Ação INSS,1,Acidente,1,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,40,Afastamentos,1,Agência,23,AGU,2,ALESP,1,ALMG,3,Alunos,1,ANATECT,4,ANATEL,4,Animais,4,Anistia,2,ANS,3,Aplicativo,1,Aposentados,6,APP,1,Apreensão,2,ARACT-SP,2,Arrombamento,2,Assaltos,29,Assédio,1,Assédio Moral,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,2,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atendimento Digital,1,Atestado,1,Atraso,1,Atrasos,5,Audiência,1,Audiência Pública,9,Auditoria,1,Auxílio Doença,1,Auxílio-creche,1,Azul,9,Banco Postal,24,BB,1,BDO Brasil,1,Benefícios,9,Black Friday,5,BNY Mellon,8,Boletim das Estatais,1,Cachorro,1,CADE,9,Cães,1,Cajamar,1,Calote,2,Caminhão,1,Caminhões,1,Canal Descomplica,1,Cancelamento,1,Capitalizar,1,Carlos Fortner,1,Cartas,2,Carteira de Trabalho,5,Carteiro,15,Carteiro Motorizado,1,Carteiro Poeta,1,Carteiros,1,Casamento,1,CAT,2,CBDA,1,CBHb,1,CBS,1,CDD Polo,1,CGPAR,5,CGU,2,Chip Amarelinho,4,Clipping,1539,Comunicado,3,Concurso,2,Condições de Trabalho,4,Conselho de Administração,2,Contas Públicas,1,Contra a Privatização,34,Contrabando,1,Contribuição Extraordinária,2,Copa do Mundo 2018,1,Correios,323,Correios Celular,13,Correios Saúde,1,Correios Saúde II,11,Corte de Energia,1,Cronograma de Empréstimos,2,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,CVM,3,Dano Moral,1,Data Comemorativa,2,DDA,9,Déficit,1,Demissão Justa Causa,1,Demissão Motivada,13,Despacho Postal,21,Destaque,927,Desvio,2,Diário Oficial,1,DIEESE,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,e-commerce,1,Empréstimos,1,ENEM,1,ENEM 2018,3,Entrega Matutina,3,Esclarecimento,1,Estadão Conteúdo,1,Estado de Greve,3,Estatais,27,Estatais Estratégicas,1,Exames Periódicos,1,Exclusiva,78,Extinção,1,Extravio,2,FAACO,3,Falecimento,1,Fechamento,17,FEDERAÇÕES,450,FEDEX,1,FENTECT,307,Férias,2,FINDECT,197,Fiscalização,1,Frota,1,Funções,1,Fundos de Pensão,55,Furto,1,G1,1,Geral,469,Gilberto Kassab,1,GOL,1,Golden Share,1,Gratificação de Função,1,Greenfield,13,Greve,26,Indicação,1,Indicação Política,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,239,Insegurança,3,INSS,1,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Intervenção,2,Joint Venture,5,Jovem Aprendiz,3,Justa Causa,1,Kassab,2,Lançamento,1,LATAM,3,Lei das Estatais,3,Licença-Paternidade,1,Licenças,2,Licitação,3,Limpeza,1,Livre Escolha,1,Logística,2,Lucro,2,Luta Unificada,34,Malware,1,Manuais,2,Marcos César,15,Marcos Pontes,1,Mercado Livre,1,Metas,1,Ministério da Fazenda,1,Ministério do Planejamento,8,Ministério do Trabalho,1,Ministro,1,Motociclistas,6,MPF,18,MPT,1,MTE,2,multiatendimento financeiro,1,OAI,1,OJ247,17,Operação Pausare,1,Operação Rizoma,5,Operador de Empilhadeira,1,Opinião Ecetista,1,OTT,4,Outubro Rosa,1,Pagamento Abono,1,Panorama das Estatais,1,Papai Noel dos Correios 2018,10,Paralisação,5,Parceria,3,Parecer,1,Paternidade,1,Patrocínio,7,Paulo Guedes,4,Paulo Paim,1,PBM,1,PCCS1995,2,PDV,3,Plano BD,2,Plano de Saúde,4,Plantão Negociação 2018/2019,19,PLP 268/2016,1,Policia Federal,2,Polícia Federal,1,Políticas de Investimento,1,Portaria,2,Postal Saúde,120,Postalis,388,Postalis Digital,3,PostalPrev,4,Praect,2,Premiação,1,Presidente,7,Prestador,1,Prestador Suspenso,1,Previc,10,Primeira Hora,176,Privatização,20,Processo,22,Professora,1,Projeto de Lei,2,Promoções Horizontais,1,Protesto,1,Qualidade,1,Quarentena,1,Reajuste,1,Reajuste de Tarifas,1,Recadastramento,5,Receita Federal,6,Reclamações,4,Reestruturação,1,Refém,2,Refis Postal,1,Reintegração,1,Renegociação,1,Rentabilidade,2,Restruturação,4,Rombo,1,Roubo,3,RTSA,1,Salários,1,Saúde Bucal,2,Saúde da Mulher,6,Saúde em Dia,1,Seguro de Vida,2,Selos,9,Sequestro,1,Série,7,Série Correios Saúde II,11,Serviços Postais,2,SEST,2,Sincort-PA,9,Sincotelba,25,Sindecteb,31,Sindicato,788,Sintcom-PR,55,Sintect-AC,17,Sintect-AL,96,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,53,Sintect-ES,47,Sintect-GO,33,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,40,Sintect-MG,20,Sintect-MS,36,Sintect-MT,24,Sintect-PB,30,Sintect-PE,29,Sintect-PI,45,Sintect-RJ,145,Sintect-RN,16,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,15,Sintect-RR,1,Sintect-RS,55,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,139,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,SQUASH,1,STF,18,STJ,1,Taxa Emergencial,2,Taxa Extra,4,Taxa Homologação Importados,4,TCU,4,Tecnologia,1,Teletrabalho,1,Terceirização,8,Termo Aditivo,1,Tesouro Nacional,1,Top of Mind,2,Transferência,1,TRF,2,TRT,36,TSE,3,TST,25,União,2,Universitários,1,UPU,2,USPOST,1,Vale Alimentação,1,Vale Extra,1,Vale Refeição,1,Vale Transporte,4,Venda Imóveis,2,Vice-presidente,5,Vídeo,1025,Vírus,1,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Mesmo com lucro de R$ 667 milhões em 2017, Correios seguem com demissões e fechamento de agências
Mesmo com lucro de R$ 667 milhões em 2017, Correios seguem com demissões e fechamento de agências
O fato de a empresa não estar em declínio, no entanto, não garante que o governo altere os planos de desmantelamento dos Correios, denuncia José Rivaldo da Silva, secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios, Telégrafos e Similares (Fentect).
https://2.bp.blogspot.com/-PHyVgy3chKg/WuGeT3BjQ2I/AAAAAAAAOn0/5zT85G3SckoYw0byP3wHUc8jcGVGWYIbACPcBGAYYCw/s320/Correios.jpg
https://2.bp.blogspot.com/-PHyVgy3chKg/WuGeT3BjQ2I/AAAAAAAAOn0/5zT85G3SckoYw0byP3wHUc8jcGVGWYIbACPcBGAYYCw/s72-c/Correios.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2018/05/mesmo-com-lucro-de-r-667-milhoes-em.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2018/05/mesmo-com-lucro-de-r-667-milhoes-em.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar