Selos viram tesouros e custam até R$ 150 mil

Enquanto as cartas estão em desuso, os adesivos postais viram verdadeiras fortunas

Ricardo Beltrame é um dos maiores colecionadores do Brasil, com cerca de cinco milhões de selos - foto: Fernanda Dias
Prestes a completar 178 anos no domingo (6), quando será lembrado o lançamento do primeiro selo postal do mundo, o Penny Black, na Inglaterra, a filatelia arte de colecionar as pequenas estampilhas adesivas dos Correios ressurge como um verdadeiro tesouro. De acordo com especialistas, que comercializam esses itens, há adesivos custando até R$ 150 mil na era em que enviar cartas é cada vez mais raro. Só na capital pelo menos 5 mil pessoas se dedicam ao passatempo.

Só em 2016 foram produzidos 16 milhões de selos pela Casa da Moeda do Brasil, dos quais 11,2 milhões já comercializados, um aumento de 20% em relação aos outros anos.

"O Brasil foi o segundo país a adotar o selo postal (em 1843, com o famoso Olho de Boi). Por isso essa paixão tão antiga nunca há de morrer", aposta Ricardo Beltrame, de 65 anos, um dos maiores colecionadores do Brasil, com mais de 5 milhões de selos. "Os Correios poderiam divulgar mais a filatelia", reclama.

Junto com a esposa, Márcia, ele negocia seu estoque há 40 anos, na Filatélica Rio de Janeiro, na Rua da Assembleia 36, no Centro. Na loja, filiada à Associação Brasileira de Comerciantes Filatélicos (ABCF), Ricardo, há algum tempo, vendeu um selo francês por R$ 150 mil.

O engenheiro Marcelo Tartari, de 55 anos, enche os olhos d`água e não disfarça a emoção ao manusear, com a esposa, a dentista Vanessa, e a filha, Cíntia, 14, dezenas de álbuns contendo aproximadamente 20 mil selos. Muitos raros, como o Olho de Boi, de 1844.

"Comecei a colecionar com 10 anos. Boa parte ganhei do meu avô (Sílvio). Aos 15 anos, por conta dos estudos, meu pai (José Geraldo, que morreu aos 86 anos), deu continuidade. Há alguns meses me surpreendi com tantos selos guardados. Sem querer, meu pai e meu avô me deixaram uma fortuna, principalmente em termos históricos e culturais", justifica Tartari.

A atividade, considerada a forma de colecionar mais antiga do planeta, anda tão em alta no Rio, que os amantes do assunto ganharam até um ponto para encontros, debates, trocas e negociações de compra e venda. Trata-se do Espaço do Filatelista, que funciona desde o ano passado na biblioteca do Complexo dos Correios, na Rua 1º de Março, no Centro. Os colecionadores promovem encontros nacionais e internacionais, exposições, lojas virtuais e sugerem lançamentos de imagens alusivas a eventos marcantes, como a da Copa da Rússia, marcado para o dia 14 de maio.

Itens brasileiros tipo exportação
De acordo com a Casa da Moeda, há negociações para a exportação dos selos brasileiros para Ásia, Europa e Estados Unidos. As técnicas usadas pela empresa estatal são diferenciadas e consideradas umas das mais avançadas do mundo, com estampas que têm até tecidos, holografias, verniz ou aromas de mel e café.

Em 2008, um lote com três selos Olho de Boi, originais, foi vendido em leilão em Nova York por R$ 6,5 milhões cada - cerca de a 1,9 milhão de dólares.

"Quem tem coleção é bom ficar atento. Ainda há muito Olho de Boi por aí. Suas três tiragens tiveram mais de 2,2 milhões de unidades", lembrou Ricardo Beltrame.

Quanto mais antigo e conservado, e de tiragem limitada, mais valioso é um selo. Anteriores a 1930 têm mais valor. Com R$ 250 pode-se iniciar uma coleção. Selos do Brasil Império, telégrafos e de companhias aéreas, podem chegar a R$ 50 mil. O site blog.correios.com.br/filatelia traz dicas, a história da filatelia, e como o cidadão pode sugerir temas. Por Francisco Edson Alves, agência O DIA.

Galeria de Fotos

Ricardo Beltrame é um dos maiores colecionadores do Brasil, com cerca de cinco milhões de selos Foto: Fernanda Dia
Marcelo, com a esposa Vanessa e a filha Cíntia: 20 mil selos Foto: Francisco Edson Alves
Espaço reúne filatelistas na biblioteca do Complexo dos Correios, no Centro do Rio Foto: Divulgação

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,10,Abono Pecuniário,3,Abrapp,1,Ação INSS,1,Acidente,1,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,40,Afastamentos,1,Agência,23,AGU,2,ALESP,1,ALMG,3,Alunos,1,ANATECT,4,ANATEL,4,Animais,4,Anistia,2,ANS,3,Aplicativo,1,Aposentados,6,APP,1,Apreensão,2,ARACT-SP,2,Arrombamento,2,Assaltos,29,Assédio,1,Assédio Moral,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,2,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atendimento Digital,1,Atestado,1,Atraso,1,Atrasos,5,Audiência,1,Audiência Pública,9,Auditoria,1,Auxílio Doença,1,Auxílio-creche,1,Azul,9,Banco Postal,24,BB,1,BDO Brasil,1,Benefícios,9,Black Friday,5,BNY Mellon,8,Boletim das Estatais,1,Cachorro,1,CADE,9,Cães,1,Cajamar,1,Calote,2,Caminhão,1,Caminhões,1,Canal Descomplica,1,Cancelamento,1,Capitalizar,1,Carlos Fortner,1,Cartas,2,Carteira de Trabalho,5,Carteiro,15,Carteiro Motorizado,1,Carteiro Poeta,1,Carteiros,1,Casamento,1,CAT,2,CBDA,1,CBHb,1,CBS,1,CDD Polo,1,CGPAR,5,CGU,2,Chip Amarelinho,4,Clipping,1539,Comunicado,3,Concurso,2,Condições de Trabalho,4,Conselho de Administração,2,Contas Públicas,1,Contra a Privatização,34,Contrabando,1,Contribuição Extraordinária,2,Copa do Mundo 2018,1,Correios,323,Correios Celular,13,Correios Saúde,1,Correios Saúde II,11,Corte de Energia,1,Cronograma de Empréstimos,2,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,CVM,3,Dano Moral,1,Data Comemorativa,2,DDA,9,Déficit,1,Demissão Justa Causa,1,Demissão Motivada,13,Despacho Postal,21,Destaque,927,Desvio,2,Diário Oficial,1,DIEESE,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,e-commerce,1,Empréstimos,1,ENEM,1,ENEM 2018,3,Entrega Matutina,3,Esclarecimento,1,Estadão Conteúdo,1,Estado de Greve,3,Estatais,27,Estatais Estratégicas,1,Exames Periódicos,1,Exclusiva,78,Extinção,1,Extravio,2,FAACO,3,Falecimento,1,Fechamento,17,FEDERAÇÕES,450,FEDEX,1,FENTECT,307,Férias,2,FINDECT,197,Fiscalização,1,Frota,1,Funções,1,Fundos de Pensão,55,Furto,1,G1,1,Geral,469,Gilberto Kassab,1,GOL,1,Golden Share,1,Gratificação de Função,1,Greenfield,13,Greve,26,Indicação,1,Indicação Política,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,239,Insegurança,3,INSS,1,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Intervenção,2,Joint Venture,5,Jovem Aprendiz,3,Justa Causa,1,Kassab,2,Lançamento,1,LATAM,3,Lei das Estatais,3,Licença-Paternidade,1,Licenças,2,Licitação,3,Limpeza,1,Livre Escolha,1,Logística,2,Lucro,2,Luta Unificada,34,Malware,1,Manuais,2,Marcos César,15,Marcos Pontes,1,Mercado Livre,1,Metas,1,Ministério da Fazenda,1,Ministério do Planejamento,8,Ministério do Trabalho,1,Ministro,1,Motociclistas,6,MPF,18,MPT,1,MTE,2,multiatendimento financeiro,1,OAI,1,OJ247,17,Operação Pausare,1,Operação Rizoma,5,Operador de Empilhadeira,1,Opinião Ecetista,1,OTT,4,Outubro Rosa,1,Pagamento Abono,1,Panorama das Estatais,1,Papai Noel dos Correios 2018,10,Paralisação,5,Parceria,3,Parecer,1,Paternidade,1,Patrocínio,7,Paulo Guedes,4,Paulo Paim,1,PBM,1,PCCS1995,2,PDV,3,Plano BD,2,Plano de Saúde,4,Plantão Negociação 2018/2019,19,PLP 268/2016,1,Policia Federal,2,Polícia Federal,1,Políticas de Investimento,1,Portaria,2,Postal Saúde,120,Postalis,388,Postalis Digital,3,PostalPrev,4,Praect,2,Premiação,1,Presidente,7,Prestador,1,Prestador Suspenso,1,Previc,10,Primeira Hora,176,Privatização,20,Processo,22,Professora,1,Projeto de Lei,2,Promoções Horizontais,1,Protesto,1,Qualidade,1,Quarentena,1,Reajuste,1,Reajuste de Tarifas,1,Recadastramento,5,Receita Federal,6,Reclamações,4,Reestruturação,1,Refém,2,Refis Postal,1,Reintegração,1,Renegociação,1,Rentabilidade,2,Restruturação,4,Rombo,1,Roubo,3,RTSA,1,Salários,1,Saúde Bucal,2,Saúde da Mulher,6,Saúde em Dia,1,Seguro de Vida,2,Selos,9,Sequestro,1,Série,7,Série Correios Saúde II,11,Serviços Postais,2,SEST,2,Sincort-PA,9,Sincotelba,25,Sindecteb,31,Sindicato,788,Sintcom-PR,55,Sintect-AC,17,Sintect-AL,96,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,53,Sintect-ES,47,Sintect-GO,33,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,40,Sintect-MG,20,Sintect-MS,36,Sintect-MT,24,Sintect-PB,30,Sintect-PE,29,Sintect-PI,45,Sintect-RJ,145,Sintect-RN,16,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,15,Sintect-RR,1,Sintect-RS,55,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,139,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,SQUASH,1,STF,18,STJ,1,Taxa Emergencial,2,Taxa Extra,4,Taxa Homologação Importados,4,TCU,4,Tecnologia,1,Teletrabalho,1,Terceirização,8,Termo Aditivo,1,Tesouro Nacional,1,Top of Mind,2,Transferência,1,TRF,2,TRT,36,TSE,3,TST,25,União,2,Universitários,1,UPU,2,USPOST,1,Vale Alimentação,1,Vale Extra,1,Vale Refeição,1,Vale Transporte,4,Venda Imóveis,2,Vice-presidente,5,Vídeo,1025,Vírus,1,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Selos viram tesouros e custam até R$ 150 mil
Selos viram tesouros e custam até R$ 150 mil
Enquanto as cartas estão em desuso, os adesivos postais viram verdadeiras fortunas
https://3.bp.blogspot.com/-Q6BZnh3vjj0/WuXH6g0CdNI/AAAAAAAAOqU/xn-3s_iuoyEohjuzeePoDg3zzHbCjfAkgCLcBGAs/s320/Ricardo%2BBeltrame.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-Q6BZnh3vjj0/WuXH6g0CdNI/AAAAAAAAOqU/xn-3s_iuoyEohjuzeePoDg3zzHbCjfAkgCLcBGAs/s72-c/Ricardo%2BBeltrame.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2018/04/selos-viram-tesouros-e-custam-ate-r-150.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2018/04/selos-viram-tesouros-e-custam-ate-r-150.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar