Comando repudia a demora nas negociações e os ataques da ECT em boletins internos durante campanha salarial

Comando Nacional de Mobilização e Negociação (CNMN) realizou ato em frente ao edifício sede dos Correios, em Brasília, para demonstrar, mais uma vez, repúdio a suspensão das reuniões de negociações da Campanha Salarial 2017-18

Nesta segunda-feira (18), o Comando Nacional de Mobilização e Negociação (CNMN) realizou ato em frente ao edifício sede dos Correios, em Brasília, para demonstrar, mais uma vez, repúdio a suspensão das reuniões de negociações da Campanha Salarial 2017-18. Já são três suspensões das tratativas para um novo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

A representação dos trabalhadores da FENTECT solicitou à empresa que o calendário aprovado em fórum da categoria fosse respeitado, inclusive, prontificando-se a negociar durante o final de semana.

Na última semana, as representações sindicais presentes em Brasília não mediram esforços para que todos os temas fossem debatidos. Porém, impasses no calendário, por parte da ECT, travaram a negociação. Novamente, na sexta-feira (15), a reunião foi suspensa pela representação da estatal.

Ainda nessa data, representantes sindicais protestaram contra a medida unilateral dos Correios em não negociar no prazo aprovado pelas assembleias dos trabalhadores por todo o País. O calendário referendado pelos trabalhadores de base segue até amanhã, dia 19 de setembro, com assembleias programadas para deflagração de greve.

Ataques e retiradas de direitos
No terceiro dia de negociação, 14 de setembro, a ECT apresentou como proposta vários ataques aos trabalhadores, com a redução de direitos e exclusão de várias cláusulas do ACT:

· Instituição do regime de banco de horas (acabando com o pagamento de horas-extras e criando o registro de ponto eletrônico);
· Fim da Entrega Matutina (excluindo a cláusula do ACT);
· Substituição da segurança armada das agências por um kit básico: cofre com fechadura eletrônica, alarme monitorado e circuito fechado de TV;
· Exclusão da cláusula que permite a fiscalização do cumprimento do ACT por parte do sindicato;
· Exclusão dos textos que dificultem ou criem barreiras para a execução da Dispensa Motivada (demissão em massa sem justa causa);
· Exclusão da cláusula que exige concursos públicos na ECT;
· Exclusão da cláusula que prevê o pagamento de indenização por morte ou invalidez permanente;
· Fim da pausa de 10 minutos/hora para quem trabalha em terminais computadorizados;
· Fim da tolerância de 5 a 10 minutos para registro do ponto;
· Em caso de inovações tecnológicas, os empregados seriam reenquadrados e não mais realocados;
· Exclusão da cláusula que regula o processamento de consignações em folha de pagamento (prejudicando as solicitações de empréstimos consignados);
· Exclusão do Programa Casa Própria;
· Redimensionamento da carga nos centros de tratamento, sem a participação de um representante sindical;
· Redução da quantidade de empregados no Grupo paritário que trata da anistia (de 5 para 2);
· Extinção das comissões regionais que tratam da violência contra a mulher e da violação dos direitos humanos;
· Extinção da Gestão Regional das Relações do Trabalho, para dificultar a atuação sindical, centralizando tudo em Brasília,
· Extinção da comissão paritária que avalia a responsabilidade civil do empregado em acidente de trânsito.

Tentativa de desmoralização via Primeira Hora
Além do pacote de maldades apresentado, a ECT ainda ameaça toda a categoria em constante assédio moral, para tentar enfraquecer a mobilização nos estados. Uma das publicações da empresa argumenta suposta decisão do TST que daria carta branca à ECT para não manter os benefícios do acordo coletivo. Cabe destacar que o debate travado no tribunal se trata de mediação, sem caráter decisório. Logo, não há uma decisão judicial. Como já informado anteriormente, o TST formulou uma proposta para as partes, rejeitada por unanimidade pelos trabalhadores em todo o Brasil. A assessoria jurídica da FENTECT também lançou nota de esclarecimento sobre o tema, na semana passada, para explicar aos trabalhadores sobre essas ameaças.

Em vídeo divulgado na rede, o presidente da ECT tenta desmobilizar os trabalhadores ao sugerir que a manutenção do ACT é de responsabilidade das representações sindicais. Porém, é possível notar que a empresa utiliza desse discurso para pressionar os ecetistas e enfraquecer as representações sindicais.

Clique aqui e leia nota na íntegra da assessoria jurídica da FENTECT, que rebate a ECT.

Dia 19 é dia de assembleia
Após protestos do comando de negociação, em carta, a ECT informou que discutirá os temas relacionados a Benefícios, Questões Econômicas e Saúde do Trabalhador, amanhã (19). As representações sindicais que estão em Brasília veem a demora pela empresa para a apresentação das propostas como prejudicial e essa postura pode desencadear uma greve sem precedentes, devido à falta de habilidade e respeito com os trabalhadores que se encontram penalizados dia a dia, com falta de segurança, sobrecarga de trabalho, metas abusivas e ameaças de demissão.

Conforme aprovado pela categoria e devido aos entraves na falta de avanços nas negociações, terça-feira, dia 19 de setembro, é a data limite para a apresentação de propostas e avaliação pelos sindicatos sobre a deflagração de greve. A presença de todos os trabalhadores é essencial neste momento decisivo da categoria. Participem!

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,8,Abono Pecuniário,3,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,32,Afastamentos,1,Agência,5,AGU,2,ALMG,3,Alunos,1,ANATECT,3,Anistia,2,ANS,1,Aplicativo,1,Aposentados,4,ARACT-SP,2,Arrombamento,2,Assaltos,17,Assédio Moral,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,1,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atestado,1,Atrasos,2,Auxílio-creche,1,Azul,5,Banco Postal,23,BB,1,Benefícios,9,CADE,5,Cães,1,Cajamar,1,Calote,1,Caminhão,1,Canal Descomplica,1,Cartas,2,Carteiro,3,Carteiros,1,Casamento,1,CAT,1,CDD Polo,1,CGU,1,Chip Amarelinho,1,Clipping,1425,Concurso,2,Conselho de Administração,1,Contra a Privatização,34,Contrabando,1,Contribuição Extraordinária,1,Copa do Mundo 2018,1,Correios,267,Correios Celular,9,Correios Saúde II,3,Corte de Energia,1,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,CVM,2,DDA,6,Déficit,1,Despacho Postal,18,Destaque,867,Diário Oficial,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,Estadão Conteúdo,1,Estatais,7,Exclusiva,77,FAACO,3,Falecimento,1,Fechamento,1,FEDERAÇÕES,438,FEDEX,1,FENTECT,300,FINDECT,190,Fiscalização,1,Fundos de Pensão,30,G1,1,Geral,417,GOL,1,Greve,20,Indicação,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,225,Insegurança,1,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Joint Venture,2,Jovem Aprendiz,2,Justa Causa,1,Lançamento,1,LATAM,3,Lei das Estatais,1,Licenças,2,Licitação,2,Logística,1,Luta Unificada,34,Manuais,2,Marcos César,15,Mercado Livre,1,Metas,1,Ministério do Planejamento,1,Motociclistas,5,MPF,8,MPT,1,MTE,1,OAI,1,Operação Rizoma,3,Opinião Ecetista,1,OTT,4,Paternidade,1,Patrocínio,6,PCCS1995,2,Plano de Saúde,1,Plantão Negociação 2018/2019,19,Policia Federal,1,Portaria,2,Postal Saúde,90,Postalis,354,PostalPrev,1,Praect,2,Prestador,1,Previc,2,Primeira Hora,175,Privatização,2,Processo,22,Professora,1,Protesto,1,Qualidade,1,Reajuste,1,Recadastramento,2,Receita Federal,3,Reclamações,3,Refém,2,Refis Postal,1,Renegociação,1,Roubo,1,Salários,1,Saúde da Mulher,1,Seguro de Vida,2,Selos,4,Série,7,Série Correios Saúde II,3,Serviços Postais,2,SEST,1,Sincort-PA,9,Sincotelba,19,Sindecteb,29,Sindicato,755,Sintcom-PR,53,Sintect-AC,17,Sintect-AL,87,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,51,Sintect-ES,44,Sintect-GO,30,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,38,Sintect-MG,19,Sintect-MS,32,Sintect-MT,24,Sintect-PB,32,Sintect-PE,28,Sintect-PI,44,Sintect-RJ,141,Sintect-RN,15,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,15,Sintect-RR,1,Sintect-RS,54,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,129,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,STF,3,TCU,1,Terceirização,2,TRF,2,TRT,26,TRT10,1,TRT15,2,TRT21,1,TRT23,1,TRT9,1,TSE,3,TST,20,União,2,Vale Transporte,2,Vídeo,981,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Comando repudia a demora nas negociações e os ataques da ECT em boletins internos durante campanha salarial
Comando repudia a demora nas negociações e os ataques da ECT em boletins internos durante campanha salarial
Comando Nacional de Mobilização e Negociação (CNMN) realizou ato em frente ao edifício sede dos Correios, em Brasília, para demonstrar, mais uma vez, repúdio a suspensão das reuniões de negociações da Campanha Salarial 2017-18
https://3.bp.blogspot.com/-n_Uuhc9dDts/WcBn49-68NI/AAAAAAAAIzE/ULHop_2mkFMDkp_JheOmMyLRUJbl3B7pwCLcBGAs/s320/Comando%2BFENTECT.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-n_Uuhc9dDts/WcBn49-68NI/AAAAAAAAIzE/ULHop_2mkFMDkp_JheOmMyLRUJbl3B7pwCLcBGAs/s72-c/Comando%2BFENTECT.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/09/comando-repudia-demora-nas-negociacoes.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/09/comando-repudia-demora-nas-negociacoes.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar