Uma alternativa à privatização dos Correios

Empresa pública de 350 anos, os Correios estão na mira da precarização e privatização do governo de Michel Temer

Da precarização à privatização: já vimos este filme em administrações tucanas
Os Correios, empresa pública de 350 anos que conecta o Brasil, estão na mira do projeto de privatizações do governo Temer.

Antes de vendê-la, porém, apostam no seu sucateamento. Aliás, já vimos este filme em administrações tucanas, como no caso da Vale, para citar apenas um exemplo.

Defensor do Estado mínimo e pró-capital financeiro internacional, Temer e seus aliados do PMDB, PSDB, DEM, PP e PSD, entre outros, atacam, de um lado, conquistas históricas das trabalhadoras e trabalhadores celetistas, além de proibição de férias, cortes no plano de saúde e Plano de Demissão Voluntária; e de outro lado deixam de investir em infraestrutura, precarizando e reduzindo serviços para a população que mais precisa, como o fechamento de agências, inclusive do Banco Postal — até mesmo em municípios onde é a única opção bancária.

Só esta semana anunciaram o encerramento de 1.836 agências que ofereciam Banco Postal nos estados de AL, BA, CE, GO, MT, PE, PI, PR, RN, RR, RS e SP.

Alguém pode defender que as ações sejam para colocar a empresa no azul. Engano. A atual gestão dos Correios conseguiu derrubar a receita nominal em 2017, no acumulado até julho, em quase R$ 600 milhões, mesmo com aumento de tarifas.

Quanto mais cortam as despesas indiscriminadamente, mais cai o faturamento, devido à queda da qualidade do serviço e a fuga da clientela no segmento de encomendas. A estatal entra em um círculo vicioso perverso: corta para gerar superávit, mas o déficit aumenta pela perda da receita. Com isso, fortalece o discurso dos privatistas de plantão.

Ainda que o envio de correspondências e boletos sofra ligeira queda, fruto da evolução do mundo virtual, receitas oriundas da exclusividade postal representam 61% do total da empresa.

Um valor muito alto para ser desprezado. Destaca-se ainda pesquisa da TIC Domicílios (2016), mostrando que o uso da Internet por indivíduos de 10 anos ou mais alcançou 61%. Ou seja, 39% dos brasileiros ainda não acessam a Internet no Brasil, revelando a importância dos serviços da estatal.

Sobre o faturamento da empresa, outros 32% vêm da área de encomendas, onde gigantes mundiais concorrem com os Correios, especialmente no mercado mais atrativo (RJ e SP).

Curiosamente, nestes estados os ganhos das agências franqueadas tem apresentado crescimento. Ou seja, crise econômica só para a empresa, que até junho apresentou queda de 4,82% do faturamento nominal oriundo de receitas operacionais. Já os franqueados, no mesmo período, aumentaram seu faturamento em quase R$ 100 milhões, acréscimo de 7,78% em relação a 2016.

Estranho, não? Será que a gestão Temer estaria passando grandes clientes para franqueados em detrimento da empresa?

A história e os serviços que prestam ao País justificam a manutenção dos Correios como empresa 100% pública. Precisa melhorar? Sim.

Mas para isto é necessário investimento e melhores condições de trabalho. Neste sentido, apresentei o projeto de lei 7638/2017, que visa à sustentabilidade financeira dos Correios, fazendo com que a Administração Pública Federal contrate preferencialmente os serviços da empresa, como logística, digitalização, guarda de arquivos etc.

A exemplo do MEC, que contrata a expertise da estatal para distribuir as provas do Enem. Conclamamos nossos pares para debater e aperfeiçoar o projeto que, se aprovado, estima-se uma receita de pelo menos R$ 20 bilhões para os Correios, dobrando o atual faturamento.

A privatização dos Correios seria um golpe na soberania nacional. Os serviços prestados são imprescindíveis para a população e para o desenvolvimento do Brasil. Existem meios para tornar a estatal superavitária, falta vontade política.

*Maria do Rosário é deputada federal (PT-RS) e integrante da Frente Parlamentar em Defesa dos Correios

As informações são da agência Carta Capital

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,8,Abono Pecuniário,3,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,31,ADCAP,21,ALMG,1,ANATECT,2,Anistia,1,Aplicativo,1,Aposentados,2,ARACT-SP,1,Assaltos,3,Assédio Moral,1,ATAs,1,Banco Postal,23,Benefícios,8,Casamento,1,CDD Polo,1,CGU,1,Clipping,1316,Concurso,1,Conselho de Administração,1,Contra a Privatização,34,Copa do Mundo 2018,1,Correios,239,Correios Celular,4,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,DDA,4,Destaque,790,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,Estadão Conteúdo,1,Estatais,4,Exclusiva,75,FAACO,3,Falecimento,1,FEDERAÇÕES,401,FENTECT,277,FINDECT,165,Fundos de Pensão,27,G1,1,Geral,363,Greve,18,Indicação,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,204,INTERSINDICAL,1,Jovem Aprendiz,1,Lei das Estatais,1,Licenças,2,Luta Unificada,33,Manuais,2,Marcos César,9,Ministério do Planejamento,1,Motociclistas,4,MPF,4,OAI,1,Operação Rizoma,2,Paternidade,1,Patrocínio,6,Plantão Negociação 2018/2019,10,Policia Federal,1,Postal Saúde,74,Postalis,319,PostalPrev,1,Previc,1,Primeira Hora,161,Processo,21,Protesto,1,Seguro de Vida,2,Selos,1,Série,7,Sincort-PA,9,Sincotelba,17,Sindecteb,25,Sindicato,691,Sintcom-PR,42,Sintect-AC,14,Sintect-AL,79,Sintect-AM,5,Sintect-AP,11,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,48,Sintect-ES,39,Sintect-GO,21,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,32,Sintect-MG,17,Sintect-MS,28,Sintect-MT,23,Sintect-PB,30,Sintect-PE,25,Sintect-PI,43,Sintect-RJ,127,Sintect-RN,14,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,14,Sintect-RR,1,Sintect-RS,49,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,119,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,9,TRT,25,TRT10,1,TSE,3,TST,12,Vídeo,869,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Uma alternativa à privatização dos Correios
Uma alternativa à privatização dos Correios
Empresa pública de 350 anos, os Correios estão na mira da precarização e privatização do governo de Michel Temer
https://2.bp.blogspot.com/-NBP7-9qOyU8/WsaoZNy_EUI/AAAAAAAAOIc/FzMmA07v9Ogwo8cp7IFTvYlxKGidur3rACLcBGAs/s320/Correios.jpg
https://2.bp.blogspot.com/-NBP7-9qOyU8/WsaoZNy_EUI/AAAAAAAAOIc/FzMmA07v9Ogwo8cp7IFTvYlxKGidur3rACLcBGAs/s72-c/Correios.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/09/uma-alternativa-privatizacao-dos.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/09/uma-alternativa-privatizacao-dos.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ TÓPICOS ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar