Com perda menor em maio, Correios terão novo PDV

Na sexta-feira, houve uma importante reestruturação administrativa. Com a ajuda da Accenture, consultoria internacional contratada no fim do ano passado, foram extintos 20 departamentos e cerca de 400 gerências.

Sem terem atingido a meta definida no início deste ano, que previa o desligamento de 8,2 mil empregados e recebeu 6.263 adesões, os Correios vão reabrir o plano de demissões voluntárias (PDV) com novas condições. Desta vez, os critérios serão mais flexíveis e qualquer funcionário com pelo menos 15 anos de casa poderá aderir. A primeira versão do programa era restrita a trabalhadores com mais de 55 anos de idade e já aposentados pelo INSS.

"Houve muita reclamação de gente que queria ter entrado, mas não se enquadrava nas exigências", afirma o presidente dos Correios, Guilherme Campos. Ele espera a abertura do novo PDV ainda no segundo semestre, o que depende de aval de órgãos como a Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest) do Ministério do Planejamento. Da mesma forma que no programa anterior, a expectativa é diluir os pagamentos por oito anos. Hoje o contingente está em 110 mil empregados.

Apesar da sangria financeira, a companhia teve em maio o menor prejuízo mensal desde 2013, conforme números recém-compilados. O resultado ficou negativo em R$ 13 milhões, alimentando as esperanças de uma recuperação na segunda metade do ano. No acumulado dos cinco primeiros meses, a perda ficou em torno de R$ 800 milhões.

Algumas ações adotadas recentemente, segundo Campos, começam a surtir efeito e explicam os dados mais saudáveis de maio.

Na sexta-feira, houve uma importante reestruturação administrativa. Com a ajuda da Accenture, consultoria internacional contratada no fim do ano passado, foram extintos 20 departamentos e cerca de 400 gerências.

A cúpula da estatal também está sendo reorganizada para sair de um modelo de unidades de negócios para uma estrutura mais funcional. No organograma anterior, cada vice-presidência na área de operações - postal, rede de agências, encomendas e logística - tinha uma estrutura própria, o que levava à duplicidade de funções em setores como marketing e comercial.

Agora, a divisão será em quatro áreas: comercial, operacional, negócios públicos, canais de varejo e atacado. "Isso vai aproveitar sinergias, reduzir custos e dar focos", afirma o presidente.

Para ele, a volta do recesso judiciário deve definir o futuro dos Correios. O Tribunal Superior do Trabalho (TST) fará a mediação para uma tentativa de acordo entre a empresa e sindicatos em torno da Postal Saúde. Criada em 2014 para gerir diretamente o convênio médico dos funcionários, a empresa tem sido responsável por um déficit anual da ordem de R$ 1,8 bilhão - número que representa entre 80% e 90% do prejuízo total dos Correios nos últimos dois anos. Atualmente, para cada R$ 100 em despesas médicas do plano, a estatal banca  R$ 93 e os beneficiários colaboram com somente R$ 7.

Os Correios fizeram uma proposta que poderia cortar até dois terços dos gastos de custeio da Postal Saúde. A ideia é assumir 100% das despesas dos empregados, sem nenhuma coparticipação, mas vetando dependentes. Hoje o convênio é extensivo, sem ônus, a pais, cônjuges e filhos. Essa fórmula gera um inchaço na carteira do plano: apesar de ter 140 mil titulares (entre ativos e aposentados), a Postal Saúde soma 400 mil vidas.

A proposta inicial foi recusada pelos sindicatos e o ministro Emmanoel Pereira, do TST, é relator da tentativa de mediação. "Se ela [a mediação] não prosperar, vamos judicializar o assunto. E a judicialização virá junto com as discussões do novo acordo coletivo", afirma Campos. A data-base para negociação de reajustes salariais dos carteiros é agosto.

Questionado se não teme um ambiente propício à deflagração de greve, ele respondeu: "Esse risco está sempre presente. Se está frio, querem fazer greve. Se faz calor, também querem greve. A Postal Saúde pode matar os Correios. Do jeito que está, não dá para ficar".

Nos últimos dois anos, a estatal teve prejuízo na casa de R$ 2 bilhões. Uma projeção levada ao Palácio do Planalto, três semanas atrás, falava em novo rombo de R$ 1,3 bilhão em 2017. Campos diz, porém, que essa estimativa se baseava em uma premissa errada: a multiplicação pura e simples do resultado verificado no primeiro trimestre - pior período do ano. (Por Daniel Rittner e Camila Maia, Valor)

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,9,Abono Pecuniário,3,Abrapp,1,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,38,Afastamentos,1,Agência,22,AGU,2,ALMG,3,Alunos,1,ANATECT,4,ANATEL,1,Animais,1,Anistia,2,ANS,3,Aplicativo,1,Aposentados,4,APP,1,ARACT-SP,2,Arrombamento,2,Assaltos,26,Assédio Moral,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,2,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atendimento Digital,1,Atestado,1,Atraso,1,Atrasos,4,Audiência,1,Auxílio Doença,1,Auxílio-creche,1,Azul,7,Banco Postal,23,BB,1,Benefícios,9,Black Friday,1,BNY Mellon,5,Cachorro,1,CADE,7,Cães,1,Cajamar,1,Calote,2,Caminhão,1,Caminhões,1,Canal Descomplica,1,Capitalizar,1,Carlos Fortner,1,Cartas,2,Carteira de Trabalho,1,Carteiro,9,Carteiro Poeta,1,Carteiros,1,Casamento,1,CAT,1,CDD Polo,1,CGPAR,5,CGU,2,Chip Amarelinho,1,Clipping,1492,Concurso,2,Condições de Trabalho,4,Conselho de Administração,2,Contas Públicas,1,Contra a Privatização,34,Contrabando,1,Contribuição Extraordinária,2,Copa do Mundo 2018,1,Correios,313,Correios Celular,10,Correios Saúde,1,Correios Saúde II,10,Corte de Energia,1,Cronograma de Empréstimos,1,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,CVM,3,Data Comemorativa,2,DDA,9,Déficit,1,Demissão Justa Causa,1,Demissão Motivada,12,Despacho Postal,20,Destaque,916,Desvio,1,Diário Oficial,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,e-commerce,1,Empréstimos,1,ENEM 2018,3,Estadão Conteúdo,1,Estado de Greve,3,Estatais,18,Exames Periódicos,1,Exclusiva,78,Extinção,1,Extravio,1,FAACO,3,Falecimento,1,Fechamento,16,FEDERAÇÕES,446,FEDEX,1,FENTECT,305,Férias,1,FINDECT,195,Fiscalização,1,Frota,1,Funções,1,Fundos de Pensão,40,G1,1,Geral,451,GOL,1,Gratificação de Função,1,Greenfield,10,Greve,25,Indicação,1,Indicação Política,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,231,Insegurança,3,INSS,1,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Intervenção,2,Joint Venture,4,Jovem Aprendiz,3,Justa Causa,1,Kassab,1,Lançamento,1,LATAM,3,Lei das Estatais,1,Licenças,2,Licitação,2,Limpeza,1,Livre Escolha,1,Logística,2,Lucro,2,Luta Unificada,34,Malware,1,Manuais,2,Marcos César,15,Mercado Livre,1,Metas,1,Ministério da Fazenda,1,Ministério do Planejamento,4,Ministro,1,Motociclistas,5,MPF,15,MPT,1,MTE,2,multiatendimento financeiro,1,OAI,1,OJ247,17,Operação Rizoma,4,Opinião Ecetista,1,OTT,4,Outubro Rosa,1,Papai Noel dos Correios 2018,8,Paralização,2,Parceria,3,Parecer,1,Paternidade,1,Patrocínio,6,Paulo Guedes,2,PBM,1,PCCS1995,2,PDV,2,Plano BD,2,Plano de Saúde,4,Plantão Negociação 2018/2019,19,Policia Federal,1,Portaria,2,Postal Saúde,112,Postalis,374,Postalis Digital,1,PostalPrev,3,Praect,2,Premiação,1,Presidente,5,Prestador,1,Prestador Suspenso,1,Previc,6,Primeira Hora,176,Privatização,12,Processo,22,Professora,1,Programa Saúde da Mulher,3,Protesto,1,Qualidade,1,Reajuste,1,Reajuste de Tarifas,1,Recadastramento,2,Receita Federal,4,Reclamações,4,Reestruturação,1,Refém,2,Refis Postal,1,Reintegração,1,Renegociação,1,Rentabilidade,1,Restruturação,4,Rombo,1,Roubo,3,RTSA,1,Salários,1,Saúde da Mulher,2,Seguro de Vida,2,Selos,6,Série,7,Série Correios Saúde II,10,Serviços Postais,2,SEST,1,Sincort-PA,9,Sincotelba,21,Sindecteb,31,Sindicato,776,Sintcom-PR,55,Sintect-AC,17,Sintect-AL,94,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,51,Sintect-ES,46,Sintect-GO,31,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,39,Sintect-MG,19,Sintect-MS,35,Sintect-MT,24,Sintect-PB,32,Sintect-PE,28,Sintect-PI,45,Sintect-RJ,144,Sintect-RN,15,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,15,Sintect-RR,1,Sintect-RS,54,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,136,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,STF,17,Taxa Emergencial,1,Taxa Extra,4,Taxa Homologação Importados,1,TCU,2,Tecnologia,1,Terceirização,8,Termo Aditivo,1,Tesouro Nacional,1,Top of Mind,2,Transferência,1,TRF,2,TRT,26,TRT10,1,TRT15,2,TRT21,2,TRT23,1,TRT9,1,TSE,3,TST,22,União,2,UPU,2,USPOST,1,Vale Transporte,3,Vice-presidente,2,Vídeo,1031,Vírus,1,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: Com perda menor em maio, Correios terão novo PDV
Com perda menor em maio, Correios terão novo PDV
Na sexta-feira, houve uma importante reestruturação administrativa. Com a ajuda da Accenture, consultoria internacional contratada no fim do ano passado, foram extintos 20 departamentos e cerca de 400 gerências.
https://3.bp.blogspot.com/-hJX8ABtAwaU/WWNEUhyuHoI/AAAAAAAAH0A/IugPw74adDYnBB1_6cyImJmze59hLb3GgCKgBGAs/s320/Correios%2BPredio.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-hJX8ABtAwaU/WWNEUhyuHoI/AAAAAAAAH0A/IugPw74adDYnBB1_6cyImJmze59hLb3GgCKgBGAs/s72-c/Correios%2BPredio.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/07/com-perda-menor-em-maio-correios-terao.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/07/com-perda-menor-em-maio-correios-terao.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar