TCU determina bloqueio de bens de ex-executivo do Postalis

Uma auditoria feita pela secretaria de Previdência do TCU apontou um prejuízo de R$ 1,07 bilhão em um universo de R$ 2,73 bilhões de investimentos realizados pelo fundo. Relator do processo, o ministro Vital do Rêgo classificou de "assombrosos" os achados da fiscalização.

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou ontem o bloqueio dos bens de dois ex-executivos do Postalis, fundo de pensão dos funcionários dos Correios. Antonio Carlos Conquista, ex-presidente, e Ricardo Oliveira Azevedo, ex-diretor de investimentos, terão 15 dias para apresentar uma relação de bens que poderão ser usados para ressarcir os prejuízos causados pela má gestão dos recursos do fundo. Além deles, foi responsabilizada a gestora de recursos BNY Mellon, administradora de alguns dos fundos que receberam grande volume de recursos do Postalis.

Uma auditoria feita pela secretaria de Previdência do TCU apontou um prejuízo de R$ 1,07 bilhão em um universo de R$ 2,73 bilhões de investimentos realizados pelo fundo. Relator do processo, o ministro Vital do Rêgo classificou de "assombrosos" os achados da fiscalização. Segundo o levantamento, o Postalis perdeu R$ 454,5 milhões com investimento em cotas do FIC Serengeti e R$ 425 milhões com o FIC Sovereign II, ambos administrados pela BNY Mellon.

O fundo de pensão também levou um prejuízo de R$ 159,4 milhões com aportes no FIDC Trendbank e de R$ 36,8 milhões com a aquisição de debêntures da gestora de recebíveis Galileo.

O cálculo das perdas, segundo os técnicos do tribunal de contas, foi feito por meio de um método conhecido no mercado financeiro como "teoria das carteiras". Uma carteira hipotética elaborada com base nas regras dispostas no regulamento do fundo e posteriormente é feita uma comparação com as taxas de retorno.

"Diante desse cenário, é possivel afirmar que o prejuízo levantado não decorre dos riscos próprios e naturais de qualquer investimento, que podem e devem ser minimizados com base na análise de dados históricos, mas sim de elevados riscos assumidos de forma consciente, deliberada e fraudulenta pelos gestores do Postalis", afirmou o ministro.

No Sovereign II, o TCU concluiu que as operações foram feitas em desacordo com a política de investimentos do Postalis. O fundo vendeu R$ 214,6 milhões em títulos da dívida brasileira e usou o dinheiro para comprar certificados lastreados em papéis dos governos da Argentina e da Venezuela, com sobrepreço de US$ 79 milhões.

O investimento de R$ 50 milhões no FIDC Trendbank também se revelou desastroso. "Para se ter uma ideia da perda de valor, a cota adquirida por R$ 10 mil em 2010 passou a valer R$ 244,84 em junho de 2016", exemplificou o ministro.

Além das penas aos ex-diretores, o tribunal aprovou a ampliação do escopo da fiscalização, que deverá abranger os demais fundos de pensão ligados às estatais. "Há muita coisa a ser descoberta em auditorias não somente nesse fundo como em vários outros", afirmou o relator Vital do Rêgo.

Conforme revelado há um ano, o rombo no Postalis terá que ser coberto pelos funcionários dos Correios, que terão descontos em seus salários até o ano de 2039. "A conta ficou para o carteiro", criticou o ministro do TCU.

Procurado, o BNY Mellon afirmou que as acusações não têm fundamento. "O BNY Mellon continuará se defendendo vigorosamente contra acusações que acreditamos não ter fundamento e que sugerem que a empresa é responsável por perdas incorridas pelo Postalis", informou, em nota.

O Postalis não se manifestou até o fechamento desta edição. (Por Murillo Camarotto, Valor Econômico)

COMENTÁRIOS

Nome

33 CONREP,3,AACB,1,AADC,10,Abono Pecuniário,3,Abrapp,1,Ação INSS,1,Acidente,1,ACT 2016/2017,15,ACT 2018/2019,112,ADCAP,42,Afastamentos,1,Agência,23,AGU,2,ALESP,1,ALMG,3,Alunos,1,ANATECT,4,ANATEL,5,Animais,4,Anistia,2,ANS,3,Aplicativo,1,Aposentados,7,APP,1,Apreensão,2,ARACT-SP,2,Arrombamento,2,Assaltos,29,Assédio,1,Assédio Moral,1,Assistência Médica,1,ATAs,1,Atendente Comercial,2,Atendimento CorreiosSaúde II,1,Atendimento Digital,1,Atestado,1,Atraso,1,Atrasos,5,Audiência,1,Audiência Pública,9,Auditoria,1,Auxílio Doença,1,Auxílio-creche,1,Azul,9,Banco Postal,25,BB,1,BDO Brasil,1,Benefícios,9,Black Friday,5,BNY Mellon,8,Boletim das Estatais,1,Cachorro,1,CADE,9,Cães,1,Cajamar,1,Calote,2,Caminhão,1,Caminhões,1,Canal Descomplica,1,Cancelamento,1,Capitalizar,1,Carlos Fortner,2,Cartas,2,Carteira de Trabalho,5,Carteiro,15,Carteiro Motorizado,1,Carteiro Poeta,1,Carteiros,1,Casamento,1,CAT,2,CBDA,1,CBHb,1,CBS,1,CDD Polo,1,CGPAR,5,CGU,2,Chip Amarelinho,4,Clipping,1542,Comunicado,3,Concurso,2,Condições de Trabalho,4,Conselho de Administração,2,Contas Públicas,1,Contra a Privatização,34,Contrabando,1,Contribuição Extraordinária,2,Copa do Mundo 2018,1,Correios,323,Correios Celular,13,Correios Saúde,1,Correios Saúde II,11,Corte de Energia,1,Cronograma de Empréstimos,2,CSP Conlutas,1,CTB,1,CUT,1,CVM,3,Dano Moral,1,Data Comemorativa,2,DDA,9,Déficit,1,Demissão Justa Causa,1,Demissão Motivada,14,Despacho Postal,21,Destaque,932,Desvio,2,Diário Oficial,1,DIEESE,1,Diferencial de Mercado,1,Digital,6,Direitos dos Empregados,22,DNI,2,e-commerce,1,Empréstimos,1,ENEM,1,ENEM 2018,3,Entrega Matutina,3,Esclarecimento,1,Estadão Conteúdo,1,Estado de Greve,3,Estatais,27,Estatais Estratégicas,1,Exames Periódicos,1,Exclusiva,78,Extinção,1,Extravio,2,FAACO,3,Falecimento,1,Fechamento,17,FEDERAÇÕES,450,FEDEX,1,FENTECT,307,Férias,2,FINDECT,197,Fiscalização,1,Frota,1,Funções,1,Fundos de Pensão,56,Furto,1,G1,1,Geral,471,Gilberto Kassab,3,GOL,1,Golden Share,1,Gratificação de Função,2,Greenfield,13,Greve,26,Incorporação de Função,1,Indicação,1,Indicação Política,1,Informa Postalis,5,Informe Jurídico,241,Insegurança,3,INSS,1,Insumos,1,INTERSINDICAL,1,Intervenção,2,Joint Venture,5,Jovem Aprendiz,3,Justa Causa,1,Kassab,2,Lançamento,1,LATAM,3,Lei das Estatais,3,Licença-Paternidade,1,Licenças,2,Licitação,3,Limpeza,1,Livre Escolha,1,Logística,2,Lucro,2,Luta Unificada,34,Malware,1,Manuais,2,Marcos César,15,Marcos Pontes,2,Mercado Livre,1,Metas,1,Ministério da Fazenda,1,Ministério do Planejamento,8,Ministério do Trabalho,1,Ministro,1,Motociclistas,6,MPF,18,MPT,1,MTE,2,multiatendimento financeiro,1,OAI,1,OJ247,17,Operação Pausare,1,Operação Rizoma,5,Operador de Empilhadeira,1,Opinião Ecetista,1,OTT,4,Outubro Rosa,1,Pagamento Abono,1,Panorama das Estatais,1,Papai Noel dos Correios 2018,10,Paralisação,5,Parceria,3,Parecer,1,Paternidade,1,Patrocínio,7,Paulo Guedes,5,Paulo Paim,1,PBM,1,PCCS1995,2,PDV,3,Plano BD,2,Plano de Saúde,4,Plantão Negociação 2018/2019,19,PLP 268/2016,1,Policia Federal,3,Polícia Federal,1,Políticas de Investimento,1,Portaria,2,Postal Saúde,121,Postalis,389,Postalis Digital,3,PostalPrev,4,Praect,2,Premiação,1,Presidente,8,Prestador,1,Prestador Suspenso,1,Previc,10,Primeira Hora,176,Privatização,20,Processo,22,Professora,1,Projeto de Lei,2,Promoções Horizontais,1,Protesto,1,Qualidade,1,Quarentena,1,Reajuste,1,Reajuste de Tarifas,1,Recadastramento,6,Receita Federal,7,Reclamações,4,Reestruturação,1,Refém,2,Refis Postal,1,Reforma Trabalhista,1,Reintegração,1,Renegociação,1,Rentabilidade,2,Restruturação,4,Resultados Operacionais,1,Rombo,1,Roubo,3,RTSA,1,Salários,1,Saúde Bucal,2,Saúde da Mulher,6,Saúde em Dia,1,Seguro de Vida,2,Selos,9,Sequestro,1,Série,7,Série Correios Saúde II,11,Serviços Postais,2,SEST,2,Sincort-PA,9,Sincotelba,26,Sindecteb,31,Sindicato,788,Sintcom-PR,55,Sintect-AC,17,Sintect-AL,96,Sintect-AM,5,Sintect-AP,12,Sintect-CAS,11,Sintect-CE,12,Sintect-DF,53,Sintect-ES,47,Sintect-GO,34,Sintect-JFA,2,Sintect-MA,40,Sintect-MG,20,Sintect-MS,36,Sintect-MT,24,Sintect-PB,30,Sintect-PE,29,Sintect-PI,45,Sintect-RJ,145,Sintect-RN,16,Sintect-RO,6,Sintect-RPO,15,Sintect-RR,1,Sintect-RS,55,Sintect-SC,27,Sintect-SE,7,Sintect-SJO,2,Sintect-SMA,5,Sintect-SP,139,Sintect-STS,11,Sintect-TO,13,Sintect-URA,9,Sintect-VP,11,SQUASH,1,STF,19,STJ,1,Taxa Emergencial,2,Taxa Extra,4,Taxa Homologação Importados,5,TCU,4,Tecnologia,1,Teletrabalho,1,Terceirização,8,Termo Aditivo,1,Tesouro Nacional,1,Top of Mind,2,Transferência,1,TRF,2,TRT,36,TSE,3,TST,25,União,2,Universitários,1,UPU,2,USPOST,1,Vale Alimentação,1,Vale Extra,1,Vale Refeição,1,Vale Transporte,4,Venda Imóveis,2,Vice-presidente,5,Vídeo,1025,Vírus,1,XIIICONTECT,1,
ltr
item
Correios do Brasil - Funcionários: TCU determina bloqueio de bens de ex-executivo do Postalis
TCU determina bloqueio de bens de ex-executivo do Postalis
Uma auditoria feita pela secretaria de Previdência do TCU apontou um prejuízo de R$ 1,07 bilhão em um universo de R$ 2,73 bilhões de investimentos realizados pelo fundo. Relator do processo, o ministro Vital do Rêgo classificou de "assombrosos" os achados da fiscalização.
https://3.bp.blogspot.com/-mjb6BKscuAg/V7GoCUTPNNI/AAAAAAAABLw/ZjgW9hLmShEhSI5plk-2gIQ8ZRN8gpfMACPcB/s320/BNY.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-mjb6BKscuAg/V7GoCUTPNNI/AAAAAAAABLw/ZjgW9hLmShEhSI5plk-2gIQ8ZRN8gpfMACPcB/s72-c/BNY.jpg
Correios do Brasil - Funcionários
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/04/tcu-determina-bloqueio-de-bens-de-ex.html
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/
http://correiosdobrasilfuncionarios.blogspot.com/2017/04/tcu-determina-bloqueio-de-bens-de-ex.html
true
4537349496477451586
UTF-8
Carregar todas as postagens Não encontrou nenhuma mensagem VER TUDO Leia mais Resposta Cancelar resposta Apagar Por Início PÁGINAS POSTAGENS Ver Tudo RECOMENDADOS PARA VOCÊ NOTÍCIAS SOBRE ARQUIVO BUSCA TODAS POSTAGENS Não foram encontrados resultados com a sua palavra Voltar ao inicio Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 houra atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago Mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir ESTE CONTEÚDO É PREMIUM Compartilhe para desbloquear Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados para a área de transferência Não é possível copiar os códigos / textos, por favor pressione [CTRL] + [C] (ou CMD + C com Mac) para copiar